quarta-feira, 14 de outubro de 2009

A REFLEXOLOGIA APLICADA À ONCOLOGIA

A REFLEXOLOGIA APLICADA À ONCOLOGIA
Sérgio de Luiggi – 30 de Julho de 2009
I Congresso Nacional de Reflexologia




«O que a mente reprime, o corpo exprime.»

Apontamentos ...


A Reflexologia aplica-se à Oncologia, no sentido que irá promover uma desintoxicação do organismo, ajudando a pessoa a “reconectar-se”. A cada sete anos o corpo se “reinventa”.
É um ciclo. As células mudam… transformam-se.
Os tratamentos devem basear-se em ouvir o que o utente tem para dizer.

Muitas vezes, durante o tratamento, a pessoa refere que gosta que trabalhemos determinada área/ ponto. É a “intuição”. É aí que devemos trabalhar.
Devemos valorizar e felicitar todos os pequenos sucessos que a pessoa vai tendo.

As metástases representam a raiva, expressa noutra parte do corpo depois do cancro ter surgido no órgão original e a pessoa não ter valorizado, ou seja, não mudou, manteve o mesmo padrão de pensamento e atitude.

Algumas das causas do cancro são: a toxicidade a que estamos expostos, aos pesticidas, aos conservantes alimentares e às emoções negativas.


Lista de Correspondências (Órgão – Sentimentos/ Emoções):


§ Fígado – Raiva/ Fúria:
- Excesso de temperatura do fígado provoca um aumento do nível de energia que está associado a pessoas que “explodem” com muita facilidade;
- Baixa de temperatura do fígado, com consequente diminuição de energia, está associado a pessoas que recalcam os seus sentimentos;
§ Vesícula Biliar – Amargura/ Ressentimento;
§ Pulmões – Ansiedade, Luto, Tristeza
§ Estômago – Insatisfação Profissional, Ciúmes, Sensação de inutilidade;
§ Pâncreas – Celebração, Negação, Amor;
§ Intestino – Morte/ Renascimento;
§ Rins – Medo/ Relações
- Rim Direito: O seu próprio lado masculino; relacionamento com alguém do sexo masculino: patrão, pai, esposo…;
- Rim Esquerdo: O seu próprio lado feminino; relacionamento com alguém do sexo feminino: patroa, mãe, esposa…;
§ Sistema Reprodutivo – Criatividade;
§ Coração – Identidade/ Infelicidade;
§ Baço (Centro da Vitalidade) – Desafio/ Tristeza;


Quimioterapia

Objectivo – Identificar o cancro, parar a multiplicação e limpar a área.
Efeitos - Mal-estar geral, fadiga, astenia, vómitos, náusas, dor (…).

Um Ciclo de Quimioterapia geralmente tem a duração de 22 dias.
A Reflexologia ao actuar, irá diminuir os efeitos secundários da quimioterapia

Período Sintomatologia


1º - 4ª dia ------; Mal-estar
4º - 7º dia ------ Fadiga
7º - 14º dia ----; Dor
14º - 18º dia ---;Diminuição do mal-estar
18º - 22º dia---;Diminuição da dor r da fadiga

Idealmente o tratamento de Reflexologia deverá ser realizado no 1º, 7º, 14º e 22º dias do tratamento de quimioterapia.

Entre os tratamentos que ajudam no tratamento da doença oncológica, destacam-se: a comunicação endócrina e a ligação fígado-baço.

COMUNICAÇÃO ENDÓCRINA
1) 1. Reflexo da Pineal (Canto da unha do 1º dedo);
2. Reflexo da Pituitária / Hipófise (Consideramos ser na lateral do primeiro dedo);
3. Reflexo da Tiróide;
4. Reflexo do Timo;
5. Reflexo das Supra-renais;
6. Reflexo do Pâncreas;
7. Reflexo do Sistema Reprodutor;

Nota: A causa da maior parte das doenças está numa falha de comunicação no sistema endócrino.

Para estabelecer a Comunicação Endócrina:
Para efectuar a comunicação endócrina, colocamos levemente o dedo polegar na área em questão. Não é necessário efectuar pressão. É só tocar e estabelecer ligação entre os pontos.
1. Ligação Pineal de um pé com o Sistema Reprodutor de outro pé e depois o contrário (esta ligação é efectuada de forma cruzada entre um pé e outro e serve para formar o triângulo);
2. Efectuar ligação: Pituitária Tiróide
Pituitária Timo
Pituitária Pâncreas
Pituitária Supra-Renais
Pituitária Sistema Reprodutor
3. Efectuar ligação: Tiróide Timo
Tiróide Pâncreas
Tiróide Supra-Renais
Tiróide Sistema Reprodutor

4. Efectuar ligação: Timo Pâncreas
Timo Supra-Renais
Timo Sistema Reprodutor
5. Efectuar ligação: Pâncreas Supra-Renal
Pâncreas Sistema Reprodutor
6. Efectuar ligação: Supra-Renal Sistema Reprodutor (cruzado nos pés)

LIGAÇÃO FÍGADO-BAÇO


Neste tratamento devemos trabalhar simultaneamente o reflexo do fígado e o baço. O fígado deve ser trabalhado com o polegar da mão esquerda no sentido dos ponteiros do relógio e o baço com o polegar da mão direita ao contrário dos ponteiros do relógio.

Outras técnicas:
1. Trabalhar muito minuciosamente o Intestino Grosso, principalmente o transverso.
2. Cruzar os braços e trabalhar com movimentos circulares a zona abdominal (mão direita trabalha o pé direito e a mão esquerda trabalha o pé esquerdo, em simultâneo). Posteriormente trabalhamos a zona dos linfáticos durante 30 segundos.
3.Trabalhar a supra-renal (importante disparar), para a dor. Pressionamos a supra-renal aumentando progressivamente a intensidade com o polegar, durante 30 segundos, depois muito lentamente retiramos a pressão e em simultâneo aumentamos a pressão na área do pé correspondente ao ponto doloroso do corpo. Depois retiramos lentamente a pressão durante 30 segundos. No total, esta técnica tem a duração de 1 minuto e 30 segundos.

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

A MEDICINA TRADICIONAL CHINESA APLICADA À REFLEXOLOGIA

A MEDICINA TRADICIONAL CHINESA APLICADA À REFLEXOLOGIA
Eduardo Luís – 2 de Agosto de 2009
I Congresso Nacional de Reflexologia na Madeira

«Tudo é ki e ki é tudo».



Yin e Yang – Aspectos complementares e antagónicos. É preciso haver um equilíbrio entre eles.

Os cinco elementos:



Madeira – Ascenção/ despertar (vesícula biliar e fígado);
Fogo – É o derradeiro yang (coração/ Intestino delgado; pericárdio/ triplo aquecedor);
Terra – Elemento central (Estômago/ Baço/ Pâncreas);
Metal – Elemento introvertido. Colabora na diminuição da ansiedade (pulmões, Intestino grosso);
Água – É o derradeiro yin (bexiga/ rins);

Os cinco elementos e as estações:


Outono – Metal
Fim do Verão – terra
Verão – Fogo
Primavera - Madeira
Inverno – Água


CICLO DO RELÓGIO Horário Meridiano

Vesícula Biliar 23:00 - 1:00
Fígado 1:00 – 3:00

Pulmão 3:00 – 5:00
Intestino Grosso 5:00 – 7:00
Estômago 7:00 – 9:00
Baço – Pâncreas 9:00 – 11:00
Coração 11:00 – 13:00
Intestino Delgado 13:00 – 15:00
Bexiga 15:00 – 17:00
Rins 17:00 - 19:00
Pericárdio 19:00 - 21:00

Triplo aquecedor 21:00 – 23:00

Algumas técnicas:


[ TRISTEZA
(Ponto a Trabalhar >>Rim 1 – Fica no Plexo Solar 1):

Reflexos a Trabalhar:
§ Cérebro e Sistema Nervoso central através do Reflexo da Coluna;
§ Rins;
§ Supra-renais;
§ Cervical;
§ Plexo Solar;
§ Técnica metamórfica;

Técnica:
§ Carregar no plexo solar 1 e simultaneamente o ponto abaixo da raiz do primeiro dedo do pé, 1.5cun, do lado interno (Fígado 3 – F3). Carregar durante algum tempo de forma intermitente;
§ Trabalhar o hálux todo (cérebro);
§ Fazer a monotonia: Trabalhar a coluna com deslizamento suave (com o polegar) no sentido descendente (descarregar a energia) e depois subir com deslize até o primeiro dedo(zona1) e puxamos um pouco (carregar a energia);
§ Trabalhar a coluna, caminhando ou abrindo em dois segmentos;
§ Pedir à pessoa para respirar fundo;
§ Carregar o rim 1 e depois “puxar” desde o rim – uréter – bexiga, num movimento contínuo (despertar);
§ Carregar as supra – renais bombeando;
§ Pescoço e tiróide (movimentos rotativos);
§ Plexo Solar 2;
§ Técnica metamórfica (só com um dedo);


[ GOTA
(Chá de urtigas, molhar 1 toalha no chá e aplicar nos locais)

Reflexos a trabalhar:
§ Baço-pâncreas 2 (BP2) e Fígado 3 (F3)em simultâneo;
§ Plexo solar 1
§ Rins e Supra-renal (bombear);
§ Fígado (movimentos circulatórios);
§ Tiróide (região plantar e dorsal);
§ Pituitária;


[ DORES NOS PÉS

Reflexos a trabalhar:
§ Rim 1 (R1);
§ Baço-pâncreas 2 (BP2);

Curiosidade: o ponto BP6 e VB39 são importantes no processo de cicatrização;

Técnica:
§ Trabalhar todo o pé com movimentos não/ sim e efectuando movimentos de cima para baixo;
§ Trabalhar o diafragma;
§ Trabalhar o Plexo Solar;


[ CÁLCULOS RENAIS:

Reflexos a Trabalhar:
§ Estômago 36 (E36) – abaixo da rótula, 3 cun (4 dedos), na parte externa da perna;


Reflexos a trabalhar:
§Ponto Estômago 36;
§ Intestino grosso e delgado (movimentos circulatórios);
§ Fígado (movimentos circulatórios);
§ Supra-renais (movimentos circulatórios);
§ Plexo Solar;


[ CIÁTICA

Pontos a trabalhar:

§ Bexiga 60 (B60);
§ Bexiga 57 (B57) – no meio do músculo gémeos, na região inferior;



Reflexos a trabalhar:
§ Coluna lombar e sacro ilíaca (abrir em segmentos);
§ Músculos pélvicos (trabalhar como no tratamento normal);
§ Joelho;
§ Outra técnica será sugerir á pessoa que com uma bola de ténis passe na zona onde dói a nível das nádegas, sacro e pernas;
§ Existem muitos outros tratamentos para a ciatalagia (a TRI - terapia reflexa intensiva) também é muito eficaz);


[ AMIGDALITE/ DOR DE GARGANTA
§ trabalhar o ponto :

&Pulmão 11 (P11);


§ Intestino Grosso 4 (IG4);



Reflexos:

§ Sistema linfático; &Pescoço;
§ Sistema endócrino (apenas a tiróide);
§ Sistema urinário (Rim, uréter e bexiga);

§ Bexiga 60 (B60) – trabalhar em simultâneo com o ponto anterior ou alternando a pressão entre um e outro;
§ Reflexo dos Rins (bombear);
§ Ureter (descendo num movimento contínuo desde os rins);
§ Bexiga (com movimentos circulatórios);
§ Área linfática – região dorsal do pé, em sentido descendente como nas técnicas avançadas e para o centro como nas técnicas da gravidez);
§ Tiróide (movimentos circulatórios);
§ Coluna Lombar;
§ Supra-renal (bombear);
§ Pituitária;

Curiosidade: o ponto E36 é importante numa situação de paragem digestiva e junto com o ponto vaso concepção 8 (umbigo) forma o triângulo da longevidade;



quarta-feira, 7 de outubro de 2009

REFLEXOLOGIA APLICADA À ESCLEROSE MÚLTIPLA

REFLEXOLOGIA APLICADA À ESCLEROSE MÚLTIPLA Palestra de Sérgio de Luiggi – 2 de Agosto de 2009 I Congresso Nacional de Reflexologia na Madeira
A Esclerose Múltipla é um conjunto de sintomas que provocam degenerescência, devido à falha de comunicação entre os axónios por perda/ degradação da membrana de mielina (que poderá ser evitada pela ingestão de ácidos gordos: ómega 3, 6 e 9).
Início da Sintomatologia: 1. Neurite óptica (98% dos casos); 2. Espinal medula (de acordo com a zona afectada, irá afectar determinados órgãos); 3. Cerebelo (problemas de ataxia); 4. Visão (movimentos dos olhos); Causas possíveis: § As células T atacam o organismo (situam-se no baço e no fígado); § Países mais húmidos há uma maior incidência da doença (fígado não consegue arrefecer); § Países tropicais há uma menor incidência da doença; § Dieta rica em açúcar, glúten, lacticínios e peixe rico em mercúrio (espada e atum); § Genética: Filhos de pais com a doença têm 40-50% de maior probabilidade de desenvolver a doença; § Sarampo/ febre glandular (mononucleose): quando surge a doença numa fase mais tardia da vida maior a probabilidade de desenvolver a doença. Tipos: 1. Benigno; 2. Remitente; (3/4dos casos) 3. Progressiva/ Secundária: vai piorando à medida que a doença se repete, o que pode levar até 20 anos e poderá chegar a primária; 4. Progressiva Primária: compromete funções vitais num curto espaço de tempo; Sintomas: § Zumbido; § Formigueiro nos membros; § Perda de equilíbrio; § Perda de controlo de esfíncteres; § Perda de função sexual; § Dificuldade na concentração; § Ansiedade/ depressão; § Fadiga; § Alterações na linguagem e na deglutição; § Dor;
A sintomatologia na esclerose múltipla acentua-se com o calor e a humidade (p. ex.: com o Desporto). Em situações normais, quando o fígado aumenta a sua temperatura, o hipotálamo trata de baixá-la, equilibrá-la. Na esclerose múltipla, isso nem sempre acontece. Curiosidade sobre o horário do fígado: 1:00 – 3:00: O fígado deve descansar; 13:00 – 15:00: É a hora que o fígado mais trabalha; Por exemplo, se formos a uma jantarada, o fígado irá buscar energia à bexiga, cuja hora de descanso é das 3:00 às 5:00. NERVOS CRANEANOS – 12 PARES 1. Olfactivo; 2. Óptico; 3. Oculomotor; 4. Troclear (movimentos de descida e subida dos olhos); 5. Trigémeo (sensação na face); 6. Abducto; 7. Facial; 8. Auditivo; 9. Glossofaríngeo, 10. Vago (Sistema Nervoso Autónomo); 11. Acessório Espinal; 12. Hipoglósseo (movimentos e sabor da língua); Nos pés, os nervos cruzam-se, por exemplo o olho direito corresponde ao pé esquerdo. Cruzam-se na nuca 9 pares cranianos Linha occipital Medula Ponte Linha occipital Hálux Direito Cerebelo Hálux Esquerdo Medula Ponte – Onde os primeiros pares de nervos cranianos se cruzam; Algumas técnicas: § Fazer ligação Fígado – Hipotálamo (irá potenciar o arrefecimento do fígado); § Fazer ligação entre o olho afectado e o nervo óptico; § Fazer ligação cerebelo-ouvido interno (para problemas de equilíbrio); § Fazer ligação pâncreas-tiróide; § Trabalhar o baço; § Trabalhar a bexiga – Intestino Grosso; Para problemas nos Olhos – Trabalhar os Rins Para problemas nos Rins – Trabalhar os Olhos [ MEDULA PONTE CEREBRAL Trabalhar: § Falange proximal do hálux, pressionar na zona esponjosa que se encontra em cima do osso e alternar a mesma pressão entre a zona esponjosa – osso – zona esponjosa (podemos fazer nos dois pés ao mesmo tempo); § Percorrer o reflexo da coluna beliscando até onde se consegue, ou seja, até à zona correspondente à L1 (começa o tracto piramidal), muito devagar para não ficar zonas por trabalhar (esta técnica vai trabalhar os canais aferentes/ eferentes). [ Situações de Fadiga trabalhar: § Zona do pâncreas, com as duas mãos ao mesmo tempo, no sentido dos ponteiros do relógio, durante cerca de 1 minuto e 30 segundo. [ DOR Trabalhar: § Supra-renal, pressionando durante 30 segundos; § Zona dolorosa (área correspondente no pé), durante 30 segundos, no pé oposto; § Supra-renal, pressionando durante 30 segundos;
[ ESPASMOS Trabalhar: § O ponto doloroso, empurrando o pé no sentido do espasmo; - Procuramos um ponto doloroso na zona do maléolo externo, pressionamos e “puxamos/ empurramos” o pé no sentido do espasmo; - Se o espasmo for no joelho, pressionamos a zona mais plantar, abaixo do maléolo e “empurramos” no sentido do espasmo. - Se o espasmo for na região coxo-femural, pressionamos na zona mais dorsal e empurramos no sentido do espasmo; - Se o espasmo for na região sacrococcígea, procuramos uma cavidade existente acima do astrágalo e colocamos o indicador nesse ponto e simultaneamente o polegar da mesma mão na região plantar, traçando uma linha recta relativa ao indicador e pressionamos na região plantar.

terça-feira, 6 de outubro de 2009

CURSO DE FORMAÇÃO COMPLEMENTAR "REFLEXOLOGIA NA GRAVIDEZ E NO PARTO"

O Curso de Formação Complementar - " Reflexologia Podal na Gravidez e Parto" Parte I decorreu no dias 20, 21 e 22 de Julho 2009 Ficam as fotografias para recordar...

Em 2010 aguardamos o regresso ... para parte II....

Curso de Reflexología Podal na Gravidez e Parto

Curso de Reflexología Podal na Gravidez e Parto Por Mauricio Kruchik Reflexologista, Doula e Educador Prenatal Presidente do Forum Isrealita de Reflexología O MODULO I DECORREU NAS DATAS:
Datas: 20, 21, 22 e 23 de Julho 2009 (das 17h às 22:30)
O MODULO II REALIZAR-SE-À EM 2010 DATA AINDA A MARCAR Local: Lisboa Preço: Profissionais de saúde relacionados com gravidez e parto - 330€ Doulas e parteiras sócias da Associação de Doulas de Portugal – 280€ Reflexologistas - 300 €, Contacto para informações e inscrições: reflexologia.infantil@gmail.com Telefone: 962825529 (Fernanda Francisco)
O curso tem o apoio da Associação de Doulas de Portugal e é acreditado como formação de desenvolvimento profissional por:
o NRRI (National Register of Reflexologists Ireland); o IRI (Irish reflexologist’s Institute) o AOR (Association of Reflexologists – UK) o SIR (Scottish Institute of Reflexology) o Colégio de Enfermeiras de Espanha Programa do curso Introdução à Reflexologia Princípios de reflexologia Trabalhos practicos Mapas de Reflexologia Reflexologia na gravidez O planeamento da reflexologia durante a gravidez Reflexologia como terapia preventiva na gravidez As situações que surgem durante a gravidez e seu tratamento mês a mês, Situações de alto risco, emergências e limitações da reflexologia Como planear uma sessão de tratamento, tempos e rotinas Tecnicas de reflexologia orientadas para o relaxamento durante a gravidez e parto Técnica metamórfica (introdução conceito e trabalho practico) Outras técnicas Reflexologia no parto Reflexologia e vantagens da sua aplicação em cada uma das fases do parto Aplicação da reflexologia em tempo real Regulando contacções Sedar e estimular Tratamento da dor e relaxamento Estímulo da micção Estímulo da evacuação intestinal Aliviar lombalgias Prevenir a Hiperventilação e estimulando uma respiração correcta Regulando a temperatura do corpo Estimulando a rápida libertação da placenta Terapia de contacto, contribuindo para aliviar os momentos dificeis Estudo de casos
Admissão ao curso: Podem frequentar esta formação Doulas, Parteiras, Enfermeiras, Obstetras e Reflexologistas e outros profissionais de saúde que trabalhem na area da gravidez e parto. Os reflexologistas dispensam a frequencia da formação do dia 20 de Julho. Material de apoio: Manual de formação (em Português), que inclui o conteúdo teórico do curso, artigos, metodologias de trabalho e exercícios. Este manual ilustrado tem 40 paginas e foi escrito pelo formador. Metodologia:
O curso tem caracter teórico e practico. As sessões de formação serão de caracter expositivo, sendo suportado por material audiovisual com dinâmicas de grupo e em diálogo constante com o formador. As sessões practicas serão realizadas em os assistentes ao curso, sob supervisão constante. Método de avaliação: Os formandos serão avaliados de uma forma contínua durante o curso relativamente a compreensão dos príncipios da relfexologia e tecnicas de trabalho.
Os formandos dispoem de informação adicional no forum de discussão na pagina
Será feita ainda uma avaliação sumativa escrita, de escolha multipla com 12 questões e o formando deverá obter como mínimo 60% de respostas correctas para obtenção da aprovação no curso.
Sobre o formador Maurício Kruchik Reflexologista desde 1998, terapeuta na gravidez e parto desde 2000 e educador prenatal desde 2006 Presidente do forum Israelita de reflexologia Conferencista Internacional em Reflexologia, frequentemente convidade como orador em diversos congressos Internacionais sobre esta matéria, nomeadamente no Congresso de Medicina Natuista, Unive. De Zaragoza, Faculdade de Medicina. É autor de artigos publicados sobre Reflexologia na gravidez e parto em publicações conceituadas em Reflexologia por todo o Mundo. Tem a sua clinica em Tel Aviv (Israel). Foi organizador do primeiro simpósio Internacional sobre Reflexologia e Cancro (ISRAC 2008). Realizou o seu estágio como terapeuta na gravidez e parto no ano de 2000 no Centro Hospitaleiro Sapir (Hospital Meir) na cidade de Kfar Saba no departamento de Ginecologia e Obstetrícia na sala de partos. Trabalhou em hospitais como reflexologista de adolescentes com problemas de paranoia e esquizofrenia além de outros disturbios do comportamento. Este curso será realizado pela primeira vez em Portugal, existindo já em outros países como Espanha (onde já decorreram cerca de 20 cursos), Inglaterra, Irlanda, Escócia entre outros. Mais informações em http://www.maternityreflexology.net/

Formação de Instrutores Reflexologia Infantil Método Angeles Hinojosa

Formação de Instrutores Reflexologia Infantil Método Angeles Hinojosa
Formação de Instrutores Reflexologia Infantil Método Angeles Hinojosa
Datas: 26/9, 27/9, 31/10, 1/11, 21/11 e 22/11 (Total de 48 horas) Local da Formação: Consultório Rafael, Av Almirante Reis, nº 82-1ºEsq Inscrições em: reflexologia.infantil@gmail.com (tel: 00351 96 282 55 29) Objectivo: Pretende-se formar Instrutores de Reflexologia Podal Infantil capazes de formar pais e mães para estes serem terapeutas dos seus próprios filhos. Os bebés e crianças são especialmente receptivas e sensíveis ao tratamento através da Reflexologia Podal.
Esta técnica promove o contacto entre pais e filhos, proporcionando uma oportunidade para os pais participarem activamentet na saúde dos seus filhos, ajudando-os a libertar-se dos pequenos desiquilibrios orgânicos e que podem apresentar nos primeiros dias, semanas, meses, anos da sua vida.
É uma ferramente de auto-cura, afecto e carícias e que promove a integração extra-uterina.
O trabalho realizado durante o curso, prepara os formandos para aplicar a técnica, não só em bebés, mas também em adultos. A parte practica é realizada entre os alunos, sem recorrer a bébés ou crianças como modelos.
Destinatários: Publico em geral, incluindo profissionais de educação e profissionais de saúde
Pré-requisitos: Vontade para divulgar a arte da Reflexologia entre famílias, contribuindo para um crescimento mais sadio das crianças.
Inclui: • Dossier com noções básicas de fisiologia e anatomia do corpo humano • Dossier de relação entre as zonas fisiológicas e anatómicas do corpo humano, sua função e correspondencia nos pés • Dossier de apoio ao trabalho practico com os pontos de referencia a trabalhar e patologias mais comuns • As bases e material teorico-practico para um curso de 10h para pais e mães. • Curso audiovisual de reflexologia infantil para pais, editado recentemente.
Conteudos das 48 horas formativas:
24h practicas
 Localização das zonas reflexas e os procedimentos de tratamento  Vantagens da técnica Reflexológica  Duração das sessões  Duração dos tratamentos  Patologias mais comuns e que se podem tratar
24h de teoria
Serão debatidos temas como:  Concepção, fecundação física. Diferentes experiencias, diferentes resultados e suas consequencias.  Gestação, vinculação intrauterina. Resultados derivados da mesma, dependendo das circunstancias em que se terá desenvolvido,  O Nascimento: formas de nascer e suas consequencias, a curto e longo prazo.  Vinculação extra-uterina: contacto pele com pele, massagem infantil: benefícios.  Crianças adoptadas. Como apoiar os pais na sua aventura  Bebés prematuros: como reparar traumas da separação  Creches, infantários. Consequencias fisicas e emocionais nas crianças  Conceito de Saúde. Assumir a auto-responsabilidade.
Formadora Angeles Hinojosa Terapeuta Psico-corporal, criadora do método de Reflexologia Podal Infantil (curso de reflexología infantil unico em Espanha) e fundadora da Escola de formação de Reflexologia Podal Infantil.
Com mais de 22 anos de experiencias , 7 dos quais centrados em reflexologia Infantil. http://www.reflexologiainfantil.org/
Investimento: 650€ (Inscrições até 15/7 – 600€ até 15/8 – 625€)

Workshop de Autoconhecimento "RE-BIRTHING " com Angeles Hinojosa

No seguimento do Workshop que irá decorrer nos próximos dias 17 e 18 de Outubro em Lisboa com a Angeles Hinojosa (http://www.reflexologiainfantil.org/) venho fazer um breve esclarecimento sobre a técnica em si e sobre os objectivos pretendidos com o mesmo.
" Rebirthing (também conhecido como Renascimento) é um método de respiração consciente capaz de promover um profundo auto-conhecimento e desenvolvimento através de uma integração corporal, energética, emocional e mental do praticante.Foi desenvolvida por Leonard Orr na década de 70.
O método recebeu o nome de rebirthing/renascimento porque o acto de respirar conscientemente através da técnica promove a ativação psico-física, trabalhando assim desde os bloqueios mais primitivos, como por exemplo, a primeira experiência do acto de respirar, fazendo com que algumas pessoas re-vivenciem o ato do seu próprio nascimento.
A Respiração Consciente surgiu no Brasil em meados dos anos de 1976, baseada em meditações subtis algumas desenvolvidas por Gurdijieff e alguns grupos ligados aos ensinamentos Indígenas Brasileiros e Americanos , neste mesmo período Stanislav Grof desenvolveu a respiração Holotrópica e Leonard Orr o Rebirthing , já no Brasil o Naturopata e Renascedor Marcio Corrêa foi o introdutor desta técnica junto com Eliezer Mendes e Ângelo Gairsa, neste contexto surgiu um acasalamento de técnicas respiratórias ligadas à dança e a yoga e o tantra no qual a respiração era a base do auto conhecimento, já praticado e ensinado pelos mestres da meditação como Osho e muitos outros. REBIRTHING – RENASCIMENTO – BREATHWORK – e seus benefícios.
Renascimento é uma técnica vivente poderosa, segura e suave que liberta tensão do corpo e aumenta seu nível de energia, com a finalidade de lhe dar mais tranqüilidade e prazer em sua vida. Desenvolvido nos anos 70 já praticado por milhões de pessoas no mundo todo. Em uma sessão de Renascimento, o renascedor guia sua respiração até certo ponto aumentando o nível de oxigênio e de energia em seu corpo.
Estes níveis aumentados, estimulam a habilidade natural do corpo para se desintoxicar, 70% das toxinas do corpo é eliminado pela respiração, o Renascimento estimula a respiração livre e em plena consciência. Renascimento também eleva o nível alcalino do sangue, um resultado que muitos médicos - terapeutas - nutricionistas e ortomoleculares tentam e não conseguem. Com uma respiração simples e descomplicada o renascedor leva você a uma viagem profunda, libertando seus medos e armaduras que estão armazenados no seu corpo por uma vida toda.
A cada sessão aumenta seu nível de oxigenação, e sua memória fica cada vez mais forte e você começa a libertar-se de padrões de pensamentos do passado que não deixam você evoluir no momento presente.
A tomada de consciência do movimento respiratório permite a pessoa TRANSPOR O MEDO que está na origem de tensões das quais ela tentará se desembaraçar. É nesta impressão que vai desaparecer, portanto morrer, que a experiência do REBIRTH se apresenta a "pequena morte". No Rebirth atravessamos o campo emocional evitando nele nos demorarmos.
O objetivo não é como na Bioenergia ou em Terapia Primal encorajar o indivíduo a regressar a primeira infância, mas sim ir até o nascimento em que aparece nele pela primeira vez o problema DA VIDA OU DA MORTE; SER OU NÃO SER. RESPIRAÇÃO CONSCIENTE: A respiração é à base da vida sem ela não atingimos a liberdade de nós mesmos, venha experimentar, nunca se arrependerá das experiências que irá sentir em seu corpo em sua alma."
In Wikipédia

CURSO ANALISE DA PERSONALIDADE PELOS PES COM MAURICIO KRUCHIK módulo I

Mauricio Kruchik (Reflexologista, Doula, Educador Prenatal, Presidente do foro Isrealita de Reflexologia), de novo em Portugal para:
Curso: ANÁLISE DA PERSONALIDADE PELOS PÉS COM MAURICIO KRUCHIK
Este curso terá início em Outubro 27 e 28 de Outubro - MODULO I
MODULO II E III DATAS A DETERMINAR PARA FEVEREIRO 2010
INSCRIÇÕES:
com Fernanda Francisco tlmv: 962 825 529
VAGAS LIMITADAS
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Acerca de mim

A minha foto
Funchal, Madeira, Portugal
Licenciada em Enfermagem. Curso Reflexologia Podal, Curso Reflexologia Podal Infantil,método Angeles Hinojosa, Curso Reflexologia Gravidez e Parto,método Maurício Kruchik. Formação em: Chairmassage, Matrix Energetics, TLE(Técnica Libertação Emocional), Integração Subconsciente, Moxabustão, Aromaterapia, Argilaterapia, Velas Hopi, Análise Personalidade, através dos Pés!, Renascimento, Reiki I,II. Su-jok. ANALISE PERSONALIDADE, KARMAS Pela NUMEROLOGIA MARQUE SUA CONSULTA ATRAVÉS 968173442 ivethbarajas@gmail.com

TÉCNICA LIBERTAÇÃO EMOCIONAL TLE OU EFT

Renascimento ( Re-Birthing)

REFLEXOLOGIA NA GRAVIDEZ E PARTO - Mauricio Moshe

Auto - Reflexologia - Sistema Hormonal -

Reflexologia na Praça Alegria

continuação...

Reflexologia na Praça da Alegria RTP1

Reflexologia na Praça da Alegria RTP 1

1ª Sessão Reflexologia Infantil para Pais - Relaxamento

2ª Sessão Workshop Reflexologia Infantil para Pais Sistema Imunitário

Curso Reflex. Infantil para Pais ao Domicílio

O SILÊNCIO

O SILÊNCIO AJUDA SEMPRE:

QUANDO OUVIMOS PALAVRAS INFELIZES
QUANDO ALGUÉM ESTÁ IRRITADO
QUANDO A MALEDICÊNCIA NOS PROCURA
QUANDO A OFENSA NOS GOLPEIA
QUANDO ALGUÉM SE ENCOLERIZA
QUANDO A CRITICA NOS FERE
QUANDO ESCUTAMOS A CALUNIA
QUANDO A IGNORÂNCIA NOS ACUSA

QUANDO O ORGULHO NOS HUMILHA
QUANDO A VAIDADE NOS PROVOCA

O SILÊNCIO É A GENTILEZA DO PERDÃO
QUE SE CALA E ESPERA O TEMPO



MEMEI - Do livro "Pai Nosso", Psicografia do médium Francisco C. Xavier